Número total de visualizações de página

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

estante

Queres cerrar comigo os lábios e,
num pacto de silêncio hirto,
serrar os troncos de civilização vestidos?
Basta-nos os cepos lânguidos -

e o comungar da seiva
no arrepio quente do inverno agreste.
Queres a surdez no grito da água

que sobrevoa a cascata imóvel -
e penetrar na gruta cheia de gente

que ninguém vê, ó estante?
Ou preferes o crepitar da lareira e,

junto comigo,
extinguir-te perante o suor escorrido dos amantes
que em nós se aquecem?

(Conceição Sousa)


*

1 comentário:

  1. Oi flor,

    Como vai?
    Amei o seu blog.
    Parabéns!
    Ansiosa para as próximas postagens.
    Já estou lhe seguindo.
    Faça uma visita ao meu e se gostar será um imenso prazer em te-lá em meu cantinho.

    http://melbernardo.blogspot.com

    Bjok@s e sucessos

    ResponderEliminar